Entre em contato conosco

(16)99756-7494 | (16)3625-0465

Após dois dias, Brasil lidera o Pan e se aproxima do tri


(Foto: Geraldo de Paula Fotografia / CBK)

 

 

Com o ribeirão-pretano Ricardo Aguiar no comando, Seleção Brasileira faturou nove medalhas; quatro delas com atletas da Equipe de Ribeirão Preto

 

A Seleção Brasileira de Caratê, comandada pelo ribeirão-pretano Ricardo Aguiar, está perto de garantir o tricampeonato Pan-Americano da modalidade. Após dois dias de competições no Rio de Janeiro, o time nacional é líder com nove medalhas, seguido por México (oito) e República Dominicana (cinco). Restam, para este sábado, 27, as disputas por equipes no kata e no kumite (combate no tatame).

 

Dessas nove medalhas, três foram de ouro, duas de prata e quatro de bronze. Venceram suas categorias, Beatriz Mafra (até 50 kg), Douglas Brose (até 60 kg) e Hernani Veríssimo. As pratas ficaram com Wellington Barbosa (acima de 84 kg) e Alberto Azevedo (até 84 kg) e os bronzes com Vinícius Figueira (até 67kg), Breno Teixeira (até 67 kg), Bianca Mafra (até 68 kg) e Edemilson dos Santos (até 60 kg).

 

“Nós da comissão técnica avaliamos de forma positiva esses dois primeiros dias de competição. Na quinta, quando começaram as disputas, ocupávamos a terceira colocação, com três medalhas. Hoje conquistamos mais seis e saltamos para a liderança. Agora só depende da gente para buscar esse tricampeonato para o Brasil”, disse o técnico Ricardo Aguiar.

 

 Quatro dos nove pódios saíram dos atletas que representam a Equipe de Ribeirão Preto (SME/Total Health/ Clínica Collucci/Instituto Ricardo Aguiar): Beatriz Mafra, Bianca Mafra, Breno Teixeira e Vinícius Figueira.

 

Decisão

As disputas deste sábado estão marcadas para começar às 9h, com as mulheres. No kumite, o time brasileiro encara quem passar do confronto entre Nicarágua e Estados Unidos, enquanto que no kata, as norte-americanas serão as adversários.

 

Entre os homens, a competição de kata começa às 10h, com Brasil enfrentando o Peru. No kumite, as lutas são às 10h20 e a Seleção Brasileira pega quem passar de Estados Unidos e México.

 

“Não será um dia fácil, afinal, quem está atrás vai querer buscar o primeiro lugar a qualquer custo. Temos que nos manter sempre focados na conquista deste título, pois, dessa forma, não daremos espaços e brechas para os adversários. O clima entre os atletas na concentração é muito bom e a nossa expectativa é de terminar o Pan como os campeões”, afirma Aguiar.

 

O Brasil é o atual vice-campeão do Pan-Americano. No ano passado, foi superado apenas pela Venezuela por uma medalha. Antes, porém, em 2013 e 2014, conquistou o bicampeonato. As lutas estão sendo realizadas no ginásio do CEFAN (Centro de Educação Física Almirante Adalberto Nunes).

 

Confira as medalhas do Brasil no Pan de Caratê

 

Ouro

Beatriz Mafra (até 50kg)

Douglas Brose (até 60 kg)

Hernani Veríssimo (até 75kg)

 

Prata

Wellington Barbosa (acima de 84 kg)

Alberto Azevedo (até 84 kg)

 

Bronze

Vinícius Figueira (até 67 kg)

Breno Teixeira (até 67 kg)

Bianca Mafra (até 68kg)

Edemilson dos Santos (até 60 kg)