Entre em contato conosco

(16)99756-7494 | (16)3625-0465

Carateca de RP disputa etapa da Premier League na Turquia


 

 

 

 

Vinícius Figueira está em fase final de preparação para o Mundial, em outubro

 


O carateca Vinícius Figueira, da Equipe de Ribeirão Preto (SME/Total Health/ Clínica Collucci/Instituto Ricardo Aguiar), segue em preparação para o Mundial da Áustria, em outubro. Neste final de semana, na Turquia, ele disputa a oitava etapa da Premier League, em busca de mais contato com os adversários internacionais e pontos no ranking da Federação Mundial de Caratê.


Hoje, ele ocupa a vice-liderança desse ranking na categoria até 67 kg, com 3347 pontos. Está apenas a 52 pontos do húngaro Yves Tadissi, primeiro colocado. Figueira entende que, por estar nessa posição, a visibilidade sobre ele é maior e encara o fato de forma positiva nas competições.


“A maioria dos atletas já me conhece. Quando vão lutar comigo, sabem que sou o segundo e percebe-se um respeito maior durante o combate. É nesse momento que aproveito a situação e tento resolver as lutas. Não vejo a situação como pressão, pois cheguei aqui com méritos e quero sempre melhorar”, disse.


Na atual temporada, o carateca tem dois bronzes com a Seleção Brasileira. Um no Pan-Americano do Rio de Janeiro e outro no Sul-Americano da Colômbia. Na Premier League, venceu a etapa da Áustria, país sede do Mundial em outubro, principal foco de Figueira no ano.


“Minha motivação para o mundial está a todo vapor, por isso estou participando de competições internacionais, lutando com atletas que estarão lá, sentindo um pouco do clima e, também, pegando mais experiência nos combates e com a arbitragem. A ideia é chegar em outubro como líder do ranking e estou treinando muito, todos os dias, focado nesse objetivo”, afirma.


Na Turquia, espera repetir o feito da Áustria e subir ao pódio da competição, da qual ele foi o terceiro colocado geral em 2015, com um ouro no Japão, prata na Holanda e bronze no Brasil. “As expectativas são as melhores possíveis e quero colocar em prática tudo o que venho trabalhando e treinando na temporada. Vou encontrar atletas de alto nível, mas tudo isso faz parte da preparação planejada para o Mundial”, explica Figueira.